1001 Razões para Gostar de Portugal

Blogue (à volta) do Livro

28 de dezembro de 2005

A MEMÓRIA AUDIOVISUAL (NÃO)

Este blogue sofre hoje uma inflexão. Em vez de ser apenas sobre razões para gostar de Portugal passa também a incluir, pontualmente, razões para "não gostar". Em certo sentido continua o blogue Aplausos e Assobios que parei a 17 de Outubro. Gosto mais de dizer bem do que alinhar no coro de Velhos do Restelo, sempre prontos a tudo trucidar. Mas passar do sim ao não, do bom ao mau, do positivo ao negativo será porventura mais justo, mais equilibrado e mais...positivo.

Hoje começo com a memória audiovisual. O pretexto é o título da última página do Público: " Toy Stor é o mais recente dos filmes eleitos este ano para serem guardados na Biblioteca do Congresso." Ora, em Portugal, seria mais interessante que o Arquivo Nacional das Imagens em Movimento estivesse na dependência da Biblioteca Nacional do que na dependência da Cinemateca. Isto porque as imagens em movimento são o cinema mas também a televisão e as imagens de síntese, por exemplo. Ora não tem sentido que o cinema comande os arquivos de todas as imagens. E, por outro lado, seria bom também que houvesse a obrigatoriedade de depósito legal, junto da BN, obrigatoriedade que existe para as obras impressas. A criação é também de imagens. Estamos em 2005.

O LIVRO DO BLOGUE
  • Publicado em Fevereiro de 2005 por TEXTO EDITORES
  • Powered by Blogger


    View My Stats